Logo Loading

Na doçura da tarde em que escrevo, olho pela janela a païsagem, que ostenta lá fora a policromia das sua galas de outono. Tons de púrpura e ouro avultam na sinfonia das côres. Apenas se ouve o marulhar da água do rio nos açudes. E a minha mágoa é tamanha, tam grande o meu desgôsto, que tudo se me afigura um escárnio à minha dôr, um insulto à minha saüdade infinita…

Prefácio de António Machado ao livro sobre a irmã, Maria, escrito pelo pai, Bernardino Machado, que foi duas vezes presidente da República Portuguesa. A reedição de Maria será brevemente publicada na Bibliotrónica Portuguesa.

Comments(3)

    • Manuel Machado Sá Marques

    • há 5 anos

    Volto a felicitar pelo trabalho que estão realizando!
    Como se faz para ler as obras já publicadas?
    Saudações cordiais!

    1. Muito obrigada pelo seu comentário e atenção. O livrónico Maria, de Bernardino Machado, está em revisão final e será publicado em breve. Para consultar os livrónicos já reeditados, basta clicar em “Reedições”, na página inicial, e depois em “Ver livro”, junto a cada livro. Desejamos-lhe ótimas leituras e agradecemos toda a divulgação que possa fazer da Bibliotrónica Portuguesa.

        • Manuel Machado Sá Marques

        • há 5 anos

        Obrigado 1 Saudações cordiais !

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *